sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Tarô de Marselha — O Sumo Sacerdote (Dominação)

O Sumo Sacerdote (Dominação)
O Arcano da Transcendência, da Iluminação, da Pobreza.



Descrição simbólica — Entre duas colunas do santuário — Jakin e Bohaz, respectivamente, intuição e razão —, figura O Sumo Sacerdote, quinto arcano, mestre supremo da ciência e dos mistérios sagrados. 
Simboliza o ensino. 
Sob o manto vermelho, sua roupa branca é sinal da pureza de suas intenções. 
O indicador da mão direita sobre o peito é signo do silêncio. 
O cetro, onde se apoia, termina numa cruz de três barras, emblema da penetração de Deus nos três mundos — mental, anímico e físico. 
Os extremos da cruz são arredondados: alusão ao setenário das virtudes necessárias para vencer os sete pecados capitais: orgulho (Sol), preguiça (Lua), inveja (Mercúrio), cólera (Marte), luxúria (Vênus), e gula (Júpiter), avareza (Saturno). 
Dois fiéis ajoelhados à sua frente — um associado à atividade e outro à receptividade — representam a unção santificada pelos sacramentos e a obediência ao Senhor dos Arcanos. 
O conjunto simbólico é um convite para que se ouça a voz do céu, a voz interior, no silêncio e no recolhimento, livre das paixões e dos desejos. 
O Sumo Sacerdote é a contrapartida masculina da Grã- sacerdotisa. 
Assemelha-se ao Papa romano, embora algumas versões do tarô apresentem esta carta como o Hierofante, sacerdote que presidia aos mistérios de Eleusis, na Grécia Antiga.

Representação abstrata — Tudo que nasce é dirigido por um processo criador que impõe à matéria um sentido espiritual. Inspiração, aviso, bom conselho, ensino, consciência, austeridade, justiça, religião, lei divina, dever moral, sacerdócio, bondade, benevolência, afabilidade, generosidade, autoridade, certeza, segurança, afeto sólido, equilíbrio, soluções lógicas, segredo revelado, vocação. 

No sentido negativo: calúnia, propaganda que distorce a verdade, má informação, equívoco, projeto retardado, falta de humanidade no sentido comum, falta de espontaneidade, repetição de erros, opressão através do intelecto.

Interpretações divinatórias — Carta do poder espiritual sobre o material, da instauração do sagrado e da intervenção da lei divina. Sanção de uma autoridade superior que vem beneficiar o consulente, exigindo deste serenidade e fé para compreender um acontecimento que surge fora da rotina de sua vida. 

No plano mental, ao qual está bem adaptada, trata-se de um aviso do espírito para a matéria e exige muita concentração a fim de apreender em que circunstâncias um novo acontecimento se dará; revelação de uma vocação e transmissão de princípios. 

No plano anímico, é um apelo à libertação da matéria com a ajuda de um diretor de consciência, de um médico da alma, de um professor ou de um personagem sentencioso; necessidade de desprender-se do meio em que vive. 

Carta de legalidade, no plano físico, significa proteção para o consulente, indicando que lhe será feita justiça. Recomenda ouvir a voz da consciência e a oração: “Pedes e serás atendido”.

RESUMO: 
Em alguns baralhos também é chamado de Júpiter, ou O Papa. 

Significado abstrato: o poder oculto do homem sobre a matéria. 

Significado prático: segredo revelado, vocação religiosa ou científica. 

Em posição invertida: um projeto atrasado, uma vocação tardia. 

Moral: Visão. Habilidade de organização. Entusiasmo. Respeitabilidade. 

Físico: Sucesso profissional ou viagens de negócios na qual o conduzirá promoções. Problemas de saúde.


Com as Cartas: 

  • IV (O Imperador): Após O Imperador, ambas em posição normal: preferência pelos bens materiais em lugar do conhecimento. Antes do Imperador, ambas normais: o conhecimento vai separar o consulente de seu bem-estar e de seu poder. Em posição normal, após O Imperador invertida: se negligenciar o conhecimento, o consulente perderá o bem-estar e o poder. Antes do Imperador invertida, em posição normal: o conhecimento em oposição ao bem-estar coloca o consulente em risco, devido ao orgulho. 
  • X (A Roda da Fortuna): Lucros atrasados seguidos de grande alegria. 
  • XV (O Diabo): Reumatismo. Decisões lamentáveis. 
  • XX (O Julgamento): Aperfeiçoamento inesperado. 
  • XXI (O Mundo): Habilidade de triunfar sobre o mal. 
  • O Louco: Inesperada, quase inacreditável ajuda.




Lucia


Extraído de:
Tarô de Marselha – Revista Almanaque Planeta Tarô, 6ª Edição, Jul/1989.

Fonte primordial:
hospedado no 4shared.com por pehemaas-br.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia antes de postar!

Devido a falta de tempo, dúvidas ou ajuda na interpretação de cartas e jogos serão respondidas somente via e-mail, faça seu pedido acessando o link:

→ Aulas de Tarot - Interpretação de Jogos - http://samantha-tarologa.blogspot.com.br/p/aulas-praticas-de-tarot-interpretacao.html

Pagamentos via PayPal e PagSeguro.


Agradeço a sua visita.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Selos